Categoria Politica  Noticia Atualizada em   06/10/2010   às  11:16:51                   
Prefeito cobra comprometimento de Secretrios
Prefeito discute planos e metas para a cidade

Veja a reportagem sobre a reunião do prefeito de Marataízes, Jander Nunes Vidal , com seu secretariado e ao final uma entrevista com o mesmo sobre vários pontos importantes relacionados a sua gestão.

O Prefeito de Marataízes, Jander Nunes Vidal, reuniu todo o secretariado na tarde da última terça-feira (06/10) para definir metas a serem alcançadas em cada pasta, objetivando assim hegemonizar os resultados da Administração como um todo.

De acordo com o Prefeito, tais reuniões, que estão sendo realizadas com regularidade, têm servido para avaliar os resultados dos trabalhos efetivados e traçar, quando necessário, as devidas correções de rumo, bem como definir novos projetos e metas individuais.

O Prefeito cobrou também mais atenção quanto ao atendimento às solicitações efetuadas pelos vereadores, pois quando um vereador se dirige ao Executivo ele não o faz em seu nome próprio, e sim em nome de toda uma coletividade, de modo que a Administração tem o dever de priorizar tais solicitações, destaca Dr. Jander.

Outro aspecto que ficou decidido nesta reunião é que a Administração efetuará a contratação, em regime emergencial de 40 garis para dinamizar a limpeza urbana da cidade. Acertou-se também a contratação de 120 salva-vidas para atuar na temporada de verão.

Aproveitamos o ensejo para realizar uma entrevista com o prefeito a fim de conhecer seu pensamento sobre alguns importantes pontos. Acompanhe a entrevista:

Reportagem – Prefeito, uma das grandes reclamações da comunidade é quanto à limpeza urbana, qual o motivo desse problema na cidade?

Jander Vidal – No início de nossa administração, nos enfrentamos um problema com a terceirização da limpeza urbana cujo procedimento foi questionado à época pelo Ministério Público. Por um erro administrativo, ocasionado pela bagunça administrativa que encontramos no início de nossa gestão, marcado por documentos jogados e espalhados pelo chão das salas da prefeitura nova, computadores inoperantes, enfim, uma completa desordem administrativa. Além disso tudo, logo quando assumimos o que tínhamos pela cidade era uma quantidade enorme de lixo acumulado pela cidade dos últimos meses de 2008, essa situação chegou a ficar marcada por uma forma inusitada de protesto, pois parte da população irritada com o descaso da antiga Administração chegou a promover um derrame de lixo em frente a sede da prefeitura no final do mandato do meu antecessor. Toda essa situação nos levou a tentar resolver o problema do lixo através de uma medida de emergência, que dentre outras resoluções, passava pela contratação de uma empresa de coleta de lixo, medida que foi contestada pelo MP e que nos impediu até hoje de realizarmos nova contratação. É certo e notório que com a estrutura atual da prefeitura não há condições físicas e nem humana deste trabalho ser realizado com eficiência. Para podermos resolver este problema de forma definitiva, teríamos que mudar a estrutura administrativa da Prefeitura, fato que pela complexidade e abrangência demandava estudos técnicos aprofundados. Contudo, não nos furtamos a esta responsabilidade e nos lançamos nesta difícil, demorada e impopular empreitada, para que ao final dessa jornada pudéssemos ter a certeza de que Marataízes ficaria livre, em definitivo, do problema de limpeza urbana.

Reportagem – O que o senhor está dizendo é que resolveu o problema do lixo?

Jander Vidal – O executivo já fez a parte que lhe cabe até agora. Elaboramos o projeto de Reforma Administrativa e também o Plano de Cargos e Salários e os enviamos para apreciação da Câmara, de modo que tão logo os mesmos sejam aprovados acabaremos com o problema de lixo na cidade.

Reportagem – Já que o Senhor falou em Reforma Administrativa, em que consiste esta reforma?

Jander Vidal – Primeiro haverá uma readequação visando aumentar a qualidade e diminuir a quantidade de cargos comissionados. Em seguida corrigiremos os desvios de funções promovendo o retorno do funcionalismo as suas lotações originárias. Com essas mudanças, conseguiremos promover além de uma melhora substancial na prestação dos serviços administrativos, a tão esperada recuperação das perdas salariais, com retroatividade da recuperação à data de fundação de nosso município – 1977. Com esta medida haverá funcionário que terá um aumento no contra-cheque próximo a 60%.

Reportagem – O senhor vêm anunciando sistematicamente a realização de obras em toda a cidade, mas a população parece ainda não perceber essas realizações, a que o senhor releva essa condição?

Jander Vidal - Um dos fatores principais é que somente no último dia 20 conseguimos licitar a contratação de uma agência de propaganda. Por outro lado, sou uma pessoa aversa a autopromoção, de modo que a determinação era para cautela nas publicações, mas como é dever do agente público promover a publicidade de seus atos a fim de que os mesmos fiquem transparentes para a população, com a agência ampliaremos nossos canais de comunicação, de modo que não só as obras, mas todos os serviços da Prefeitura chegarão ao conhecimento da população com mais facilidade.

Reportagem – Nessa linha de serviços, quais o senhor gostaria de ressaltar?

Jander Vidal – É importante frizar que mesmo com todo esse pacote de obras já em andamento e os já anunciados para início ainda este ano, tais como a reforma do galpão da oficina da extinta estrada de ferro Itapemirim, a reforma e ampliação da escola José Marcelino na Barra, as praças da praia da Barra e do Beco da Morte, drenagem e asfaltamento de parte da praia Central, dentre outros, ainda conseguimos economizar no ano de 2009, mesmo com toda a recessão econômica mundial, mais de 2,4 milhões de reais. E não parou por aí, pois ao continuarmos assim, nessa linha de rigor fiscal, conseguimos até agora em 2010, enquanto a maioria dos municípios está amargando déficit orçamentário, um superávit orçamentário para Marataízes superior a 4,5 milhões de reais. São números relevantes que merecem ser comemorados pela população.

Reportagem – Para encerramos não poderia deixar de perguntar sobre as eleições de 2010?

Jander Vidal – Na eleição para presidente houve um equilíbrio no Estado, o que me faz acreditar que no 2º turno o cenário não deve ser diferente. A acachapante vitória de Renato Casagrande, além de merecida, contou com o apoio do governador o que sinaliza uma continuidade administrativa o que é muito bom para o Estado. Em relação aos candidatos a deputado estadual de nossa cidade, os resultados mostram que continuamos a errar ao lançarmos vários nomes, e assim dividindo o eleitorado. Na Câmara Federal, nossos dois candidatos não conseguiram agregar o eleitorado. Com isso, Marataízes será representada por outros deputados.



    Fonte: Redao Maratimba.com
 
Por:  Renato Alves    |      Imprimir