Categoria Opinião  Noticia Atualizada em   22/10/2013   às  16:57:36                   
O QUE SER QUE PENSA TININHO?
A célebre frase “Há coisas que só acontecem ao Botafogo”, dito popular que nos remete aos problemas contínuos de meu glorioso Fogão, também deve ser atribuída a minha cidade, Marataízes que de Pérola Capixaba está se tornando o retrato do abandono público e conseqüente desinteresse particular de turistas e investidores.

Estamos vivenciando um momento crítico para nossa economia e um profundo cataclisma político, tudo está de cabeça pra baixo e o horizonte se mostra cada vez mais cinza, estamos cumprindo uma determinação judicial que praticamente joga uma pá de cal no fraco turismo que ainda insistíamos em manter, temos um prefeito que se não faz nada, ou ao menos não mostra o que faz. Jander foi afastado e acusado de vários crimes, porém ainda não foi preso, se há tantas evidências de crime praticado que se faça uma intervenção assim como foi feito em Kennedy.

Não quero levantar bandeira de ninguém, neste meu artigo de opinião, mas se com a equipe de Jander estava ruim agora parece que virou um caos, o poder executivo deve agir e não se acomodar no ostracismo notório percebido. Eu mesmo já critiquei inúmeras vezes a equipe de Jander. Cobrei do prefeito afastado publicamente que assumisse de fato a cadeira que lhe foi dada pelo voto democrático do povo, hoje sou odiado pelos defensores e opositores de Jander, mas isso não me preocupa, o que importa é que Marataízes está sucumbindo diante dos nossos narizes e não podemos deixar isso continuar.

A decisão da Juiza Cláudia Cesana Sangali de Mello Miguel a meu ver prejudica e muito os comerciantes da cidade, a classe hoteleira e a economia local deixa de mover as engrenagens econômicas, acho que diante das acusações de desvios e atos de corrupção quem deveria ser punido seriam os atores e não a platéia. Mais de 99,9% população não faz parte das articulações e manobras políticas executadas pelos atores, portanto que se faça valer a lei, que se prenda, se puna, que se bloqueie bens etc, mas paralisar o município não. Quem de fato mora na cidade e depende do turismo sabe o que estou falando. Se a situação atual exige medidas extremas, que se faça uma intervenção.

Voltando ao prefeito em exercício, fiquei sabendo que ao invés de tentar contornar os problemas que a cidade enfrenta: saúde, educação, etc e tal (problemas que convenhamos acompanhava inclusive o prefeito afastado). Tininho está preocupado em buscar o apoio dos execrados de sua administração, o cara já está com a cabeça em 2016 e se esquece que possui um processo de improbidade administrativa para ser julgado, pasmem Tininho acorda para vida e tente mostrar a que veio, já são praticamente quatro meses a frente do poder e até agora o que tenho visto é uma piora significativa do cenário maratimba.


    Fonte: O Autor
 
Por:  Adriano Costa Pereira    |      Imprimir