318044 Noticias - Sem arte no h psicanlise  -  Roney Moraes




Categoria Opinião  Noticia Atualizada em   29/04/2015   às  08:22:48                   
Sem arte no h psicanlise
"Seja qual for o caminho que eu escolher, um poeta j passou por ele antes de mim", Freud.
Sem arte no h psicanlise
Foto: Reproduo
Na prxima semana comemoramos o Dia do Psicanalista. Entusiasmado com a proximidade da data, e por agenda lotada, me deparo com a situao lamentvel que vivem hoje os artistas capixabas. Esto acampados na Secretaria de Estado de Cultura (Secult) lutando contra o corte dos recursos destinados aos editais da cultura.

Sem tempo para uma reunio institucional, manifesto minha opinio sobre a tentativa de homicdio praticada pelo governo estadual a todos que vivem pela arte. Mas o que um analista tem a ver com isso? Ora, pois o prprio Freud, pai da psicanlise disse: "seja qual for o caminho que eu escolher, um poeta j passou por ele antes de mim".

A relao da psicanlise com as artes em geral intima. E, por isso, sentimentos revoltosos e de indignao so compreensveis. Confesso que neste exato momento muitas coisas passam pela minha cabea e, com certeza, uma delas vontade de gritar. Acontece que poucos vo ouvir. Ou quase ningum.

Os deputados. Estes que deveriam fiscalizar as megalomanias executivas vestiram a carapua masoquista. Escolhem pessoas e situaes que levam ao desapontamento, fracasso, ou maus-tratos, mesmo quando melhores opes esto claramente disponveis. Por isso, meu manifesto. Insisto em dizer que sem arte no h psicanlise.

Em relao arte, para ter uma ideia, no prximo dia 07 de maio estreia nos cinemas de So Paulo e do Rio de Janeiro, o documentrio De Gravata e Unha Vermelha, dirigido por Mirian Chnaiderman. O longa recebeu o prmio de melhor documentrio no Festival do Rio de 2014 e tambm foi exibido no Festival Tudo Verdade no mesmo ano.

Uma psicanalista que faz cinema, assim Miriam Chnaiderman se define. O prazer nos estudos de filosofia, psicologia e psicanlise, o gosto pela literatura, msica, cinema as artes em geral marcam sua trajetria intelectual, na qual se destacam o mestrado em literatura e psicanlise e o doutorado em teatro doutora em artes pela Escola de Comunicao e Artes da USP , e o ps-doutorado no Laboratrio de Psicopatologia Fundamental da PUC.

No primeiro Encontro Literrio Paraense da XIX Feira Pan Amaznica do Livro, programada para o perodo de 29 de maio a 07 de junho, no Hangar, ter como tema Poesia Feminina. Uma das escritoras convidadas para abordar o assunto poetisa, escritora, psicanalista e psiquiatra, Luciana Brando Carreira.

Luciana, alm de Doutora em Psicanlise pela UERJ /sanduche Universit Paris XIII, professora da Uepa e supervisora clnica do Ambulatrio de Sade Mental do Cesupa, autora dos livros Entre (Verve, 2014) e Os tempos da escrita na obra de Clarice Lispector no litoral entre a literatura e a psicanlise (Cia de Freud, 2014) e tambm componente do ncleo editorial da Revista Polichinello, trabalha, em suas pesquisas, na interface entre arte e psicanlise, tendo como principais referncias as obras de Sigmund Freud e de Jacques Lacan.Luciana Brando Carreira, que vo contextualizar o assunto no cenrio paraense.

Enquanto isso, no Esprito Santo, vemos com tristeza as polticas pblicas para a cultura entrarem pelo cano. Contudo, se depender dos artistas, estudantes, profissionais liberais, ativistas e muitos amantes da arte... O espetculo no para. Jamais!

Fonte: O Autor
 
Por:  Roney Moraes    |      Imprimir